Rússia bloqueia o Telegram por não divulgar as chaves de encriptação

Rússia bloqueia o Telegram por não divulgar as chaves de encriptação

Parece que a Telegram está com sérios problemas com o governo da Rússia. Aparentemente os russos terão pedido as chaves de encriptação que o Telegram usa para poder analisar as conversas na rede se tal se revelasse necessário no futuro.

O organismo russo oficial de controle das comunicações, Roskomnadzor, anunciou que solicitou o bloqueio do Telegram em todo o território russo.

Telegram

Esta ameaça não tem nada de novo uma vez que já há semanas circulavam rumores que, ou o Telegram fornecia uma forma de, perante qualquer processo judicial, o governo russo pudesse ver as conversas dos utilizadores, ou o governo russo bloquearia o Telegram em todo o território russo.

Acontece que Pavel Durov, o criador do Telegram, negou-se a difundir formas de desencriptar as conversas dos utilizadores que usam esta rede, alegando que o pedido do governo russo é totalmente inconstitucional e viola os direitos de privacidade dos utilizadores.

O que é certo é que na Rússia não existem as liberdades de comunicação, diversidade sexual ou liberdade de expressão, como acontece em grande parte dos restantes países do mundo, existindo antes uma ditadura encoberta em forma de democracia, sendo que este tipo de problemas começam a ser cada vez mais comuns para as empresas, pessoas e ideais que sejam contra os interesses do regime.

Sobre o autor

Jorge
Desde muito jovem comecei a gostar de tecnologia. O interesse e curiosidade sobre tudo o que é tecnologia têm-me acompanhado sempre. Há cerca de 20 anos que trabalho profissionalmente nesta área. Como Confúcio disse, "Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida".

Faça o primeiro comentário a "Rússia bloqueia o Telegram por não divulgar as chaves de encriptação"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*


Inline
Inline